Quinta-feira, 01.10.09

Charley Boorman fez as malas e aceitou participar num desafio: percorrer mais de vinte mil milhas e visitar vinte e cinco países numa viagem de Wicklow, a sua terra natal na Irlanda, até Wollongong, na Austrália. Mas há algumas regras neste desafio: nunca apanhar um avião e viajar sem carros de apoio ou veículo próprio.


Portanto, Boorman não torceu o nariz a cruzar o Canal da Mancha num barco à vela, a passear de hugo na Croácia ou a conduzir um camião no Norte do Irão. E também não se fez rogado a andar de táxi em Teerão, de tuk-tuk em Nova Deli, de tractor no Nepal ou num carro movido a energia solar.
Apesar de nem tudo correr sobre rodas, é com muito humor, entusiasmo e energia que Boorman vive a maior aventura da sua vida entre paisagens deslumbrantes, povos pitorescos e... veículos invulgares.


Charley Boorman nasceu em Londres, em 1966, e é filho do famoso realizador John Boorman. Participou em vários filmes e, entre 1998 e 2002, integrou uma equipa britânica de motociclistas, juntamente com Ewan McGregor. Em 2004, deu a volta ao mundo de mota com o seu famoso amigo. É autor do livro Lisboa a Dakar, já editado por Publicações Europa-América.



publicado por bookworms às 20:32 | link do post | comentar | ver comentários (5)

Vencedor do Prémio Merlim 2009, na categoria de romance

«Maldito sejas, Odin, tu e a tua arrogante valquíria! Maldito sejas, tal como é maldito o sangue que corre nas veias dos teus bastardos humanos! Maldito sejas, deus sem fé que tiveste no teu dedo o anel do Nibelungo!»

Dentro em breve, a maldição do anel do Nibelungo desencadeará o crepúsculo dos deuses. De forma a conseguir gorar este cruel presságio, Odin, o deus supremo, pede à sua filha, a valquíria Brunilde, para continuar com a sua linhagem humana que ele outrora reunira em Midgard. Assim, Brunilde vê-se obrigada a perder o seu estatuto de deusa e de virgem guerreira e passará a ser um simples comum mortal.

 

Mas Loki, o génio do fogo e do mal, semeia pelo mundo o terror e manipula os deuses e os homens de forma a antecipar a catástrofe final.


Anéis mágicos e espadas invencíveis, valquírias e dragões, gigantes e anões, deuses e heróis movidos por paixões ardentes... Na linha de O Anel de Nibelungo, de Richard Wagner, de O Senhor dos Anéis, de J. R. R. Tolkien, e das ancestrais lendas e mitologias nórdicas, A Maldição do Anel é uma saga enriquecida pelo sopro épico e heróico, um romance cheio de aventuras e de paixões mas também de poesia e de encantamento.
Será por amor que Brunilde partirá do mundo dos deuses e descobrirá o dos homens...

Édouard Brasey, romancista, é um eminente estudioso de contos e de lendas nórdicos bem como dos mundos imaginários das fadas e de fantasia, aos quais ele dedicou mais de quarenta obras. Os seus últimos títulos tiveram um enorme sucesso junto do público, sobretudo La Petite Encyclopédie du Merveilleux, que arrecadou em 2006 vários prémios.
Com esta tetralogia, e segundo a conceituada SF Magazine, Brasey atinge «o mais alto nível do fantástico».



publicado por bookworms às 20:30 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Segunda-feira, 28.09.09

As Avis - As Grandes Rainhas que partilharam o trono de Portugal na segunda Dinastia é uma obra sobre as mulheres da dinastia de Avis. Durante 200 os anos que durou a dinastia de Avis, o país conheceu nove rainha consortes mulheres que, muitas vezes na sombra, definiram o rumo da História do reino.
 
A partir do olhar destas rainhas, a historiadora Joana Bouza Serrano dá-nos a conhecer os seus casamentos, que representavam verdadeiros trunfos nos jogos de poder político, os partos sucessivos para garantir a sucessão, a sua dedicação à cultura e às artes, as tradições e costumes da corte e os diferentes acontecimentos políticos que marcaram a dinastia de Avis.

 

A obra será apresentada por Cristina Sá Carvalho, professora na Universidade Católica de Lisboa, no dia 1 de Outubro, às 18h30, no Restaurante do El Corte Inglés Lisboa, piso 7.

 



publicado por bookworms às 10:48 | link do post | comentar

Terça-feira, 09.06.09

Aqui estão as últimas novidades da editora Europa-América.

 

 

Título: Como Ser Rico
Subtítulo: Os Segredos dos Maiores Milionários do Mundo
Autora: Praticia G. Horan
Colecção: Economia & Gestão
Preço: 14.90€
Pp.: 144

Tem uma vida repleta de riqueza? Está a viver a vida, desfrutando ao máximo do seu potencial mental, físico e espiritual?
Se a resposta a estas questões for «não», então, Como Ser Rico - Os Segredos dos Maiores Milionários do Mundo é a solução para mudar a sua vida e dar-lhe a inspiração necessária para traçar um rumo em direcção à riqueza, à felicidade e à realização pessoal.
Esta antologia contém excertos das obras de onze dos maiores líderes mundiais, como por exemplo Napoleon Hill, e mostra ao leitor estratégias apelativas e vários passos lógicos, comprovados como os degraus a subir para atingir o sucesso. Mas tudo isto tem como base uma ideia simples: a chave para tudo está na nossa mente.
Como Ser Rico - Os Segredos dos Maiores Milionários do Mundo é uma análise revigorante dos nossos pensamentos, anseios e acções, e também da forma como as decisões que tomamos se reflectem na nossa vida.
Agarre as rédeas da prosperidade e deixe este livro fantástico ensinar-lhe como ser «podre de rico!»
 

 


Título: Viagem Extraordinária no Império dos Mundos - I
Autor: Arthur Ténor
Colecção: Europa-América Juvenil
Preço: 15.90€
Pp.: 164

Mais uma história fantástica e de aventuras do herói Thédric Tibert, que neste volume entra num novo infinimundo do imaginário que acaba de ser descoberto... mas do qual, por alguma razão, até ao momento desconhecida, nenhuma sonda conseguiu enviar a mais pequena imagem.
Então, ao que tudo indica, a missão de exploração que é proposta a Thédric Tibert, acompanhado por dois comandos especialistas, será mais um angustiante mergulho no abismo do desconhecido, pois, a partir do momento em que o nosso herói passa pela porta que o leva para o outro lado, não é só um mundo que espera por ele: são muitos mundos...
Estes universos são completamente diferentes e o perigo está em toda a parte...
 


Título: Os Privilégios
Autor: Stendhal
Colecção: Livros de Bolso – Série Grandes Obras
Preço: 8.50€
Pp.:  64

Henry Beyle, mais conhecido como Stendhal, entrou nos caminhos do romance movido pela necessidade de conhecer o seu próprio «Eu». Daí que a marca profundamente autobiográfica tenha sobremaneira influenciado a sua forma de escrever.
É certo que Os Privilégios, obra póstuma e de cariz marcadamente autobiográfico, foram durante muitos anos renegados e esquecidos por entre as outras obras-primas do autor, por revelar uma outra faceta deste cultor das paixões humanas e do «egotismo».
Assim, neste texto fulgurante, estruturado em vinte e três artigos, como se tivessem sido ditados por um «God» que o teria visitado durante o sono, Stendhal tem a oportunidade de se reencontrar com todos os seus desejos, todos, mesmo os mais íntimos, mesmo os mais ousados, mesmo os mais secretos.
Não será este um sonho comum a todos os homens?
Mas esta obra é também um marco da genialidade sublimada da escrita de Stendhal. Em apenas algumas dezenas de páginas, ele refaz o mundo segundo um ideal de beleza, embebe a sua escrita dum universo mágico e maravilhoso e convida mais uma vez os leitores, «os raros apenas», a entrar neste universo que é o «espelho que passeia ao longo dum caminho»: o seu.
 



Título: Pequeno Manual de Campanha Eleitoral – seguido de «Carta a Ático» e de « Defesa de Murena»
Autor: Cícero
Colecção: Livros de Bolso – Série Grandes Obras
Preço: 8.50€
Pp.:  128

O sistema eleitoral que Cícero (106 a. C.-43 a. C.) conheceu nas últimas décadas da República romana é bem diferente do nosso, mas os princípios que regem uma campanha eleitoral permanecem os mesmos: assegurar o sustento das pessoas influentes e conciliar a massa dos eleitores, manipulando-os subtil e sub-repticiamente.
No Pequeno Manual de Campanha Eleitoral, obra redigida em 64-65, aquando da disputa de seu irmão, Marco Cícero, por um lugar no Senado, Quinto Cícero indica o caminho que todo e qualquer candidato deve seguir de forma a atingir o seu objectivo, bem como dá conselhos precisos e metódicos.
Este pequeno tratado, no qual Quinto Cícero soube muito bem tirar partido da força do registo epistolar, chegou até nós como sendo um esboço das linhas mestras de uma perfeita campanha eleitoral.

 


Título: Como Tirar Partido dos Seus Iminigos – seguido de Como Distinguir um Bajulador de um Amigo
Autor: Plutarco
Colecção: Livros de Bolso – Série Grandes Obras
Preço: 8.50€
Pp.:  144

Plutarco (66 d. C.-120 d.C) é uma das figuras mais proeminentes da Antiguidade Clássica, e nomes como Shakespeare, Montaigne, Jean-Jacques Rousseau, entre outros, não ficaram imunes à influência do escritor e filósofo grego, cultor da virtude moral e da ética.
Fiel ao seu estilo livre e espontâneo, nestes dois tratados Plutarco mistura toda a sua arte de um eloquente erudito e todo o seu génio humorista, ao integrar oportunamente episódios anedóticos, mitológicos e de discussão, apresentados segundo os princípios da elegância, do rigor e da boa educação.
Assim, se, por um lado, em Como Distinguir Um Bajulador de Um Amigo o autor defende que os velhos hábitos de bajulação obrigam um homem honesto a ter uma postura prudente, nobre e vigilante em relação ao inimigo, por outro lado, em Como Tirar Partido dos Seus Inimigos, Plutarco defende exactamente que são esses inimigos que nos obrigam a permanecer num permanente estado de vigilância interior que nos indicarão o caminho para vencermos as adversidades e nos tornarmos melhores.
Nestes dois tratados, Plutarco mostra ao Homem de Estado ou simplesmente ao Homem Comum a forma como um verdadeiro estratega pode, em circunstâncias adversas, usar em seu proveito e a seu favor as críticas, as difamações, as injúrias e as calúnias dos seus inimigos pessoais.



publicado por bookworms às 18:45 | link do post | comentar

Sexta-feira, 29.05.09

Dia 31 de Maio às 17.00 horas na Biblioteca Municipal de Nisa, será apresentado o Livro de  Linhagens da Vila de Nisa - Um Mapa de Identidades da autoria de Filipe Manuel Louro Carita
e João Maria Melato Carita.


A apresentação será feita pelo Sr. Dr. José Dinis Murta.
 

"Neste nosso tempo tão marcado por um culto insidioso
do instante e do curto prazo, neste tempo de
globalização em que vão escasseando cada vez mais
pontos de referência e em que os laços sociais e
comunitários se vão quase inelutavelmente diluindo
neste processo vertiginoso de erosão das raízes e
individualidades, não raro fonte de incerteza e insegurança,
aqui deixamos um pequeno e modesto contributo
para que se não perca aquele sempre tão frágil
fio de memória que nos torna capazes de uma
projecção criativa nos horizontes amplos do futuro.
Não nos advertiu já o poeta francês Paul Valéry de
que «entramos no futuro a andar para trás»?"
- João Maria Melato Carita



publicado por bookworms às 11:22 | link do post | comentar

Quinta-feira, 28.05.09

No dia 30 de Maio às 17.00 horas, no Centro de Congressos da Câmara Municipal de Portalegre (Rua Guilherme Gomes Fernandes), será apresentado o livro MOTIVOS ALENTEJANOS, de João Ribeirinho Leal.

 

A apresentação será feita pelo Dr. José Manuel da Costa Coelho.

 



publicado por bookworms às 11:20 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Dia 28 pelas 18.30h, no Pavilhão das Galeotas do Museu de Marinha (Praça do Império, Lisboa), será apresentado o livro Grandes Batalhas Navais Portuguesas, Os combates que marcaram a História de Portugal de José António Rodrigues Pereira.

A obra será apresentada pelo Contra-Almirante José Luís Leiria Pinto.

 

Ferozes, sem tréguas, heróicas, dramáticas, devastadoras, foram assim as principais batalhas navais em que os portugueses estiveram envolvidos ao longo de toda a sua História. José António Rodrigues Pereira, actual director do Museu de Marinha, traça um retrato detalhado e único de 39 grandes combates navais que marcaram a nossa história.

 

Com uma documentação única – mais de 50 mapas, esquemas de batalhas e uma colecção rica de imagens - este livro relata, com precisão e rigor histórico, o desenvolvimento marítimo português, os conhecimentos científicos das artes de navegação adquiridos ao longo de séculos e o domínio dos ventos e dos mares.

 

 

 

 



publicado por bookworms às 11:14 | link do post | comentar

Diogo Álvares, português do Minho, é o comandante de uma embarcação que naufraga ao largo do Brasil, sobrevivendo ele e seis amigos. Abastecendo-se, junto dos destroços do barco, de pólvora, balas e de uma espingarda onde se apoia para caminhar, Diogo e os seus companheiros embrenham-se na selva que os rodeia. Rapidamente os sete náufragos são capturados por índios antropófagos que os amarram a postes e acendem fogueiras…

Esta história, espécie de resumo da vida colonial brasileira que durou três séculos, apresenta-nos as principais raças que compõem aquele grande país, o Português, o Índio e o Negro. Pretende também lembrar o prodigioso e inteligente esforço dos colonizadores lusitanos e, ao mesmo tempo, as primeiras afirmações da energia brasileira.

Mais um excelente volume da Colecção Clássicos da Humanidade, ilustrado por André Letria, numa fundamental adaptação de João de Barros.

 



publicado por bookworms às 11:12 | link do post | comentar

Viriato Trágico é a adaptação em prosa da obra principal de Brás Garcia de Mascarenhas. Síntese vibrante da vida e feitos de Viriato, grande herói lusitano, que lutou contra os generais de Roma que ocupavam a Península Ibérica.
O poema que serve de base a esta adaptação foi escrito durante a ocupação do trono de Portugal pela Dinastia Filipina e publicado quarenta e três anos, após a morte do seu autor.

Brás de Mascarenhas, beirão como Viriato, revê na saga desta figura incontornável da história de Portugal, pela libertação da Península Ibérica do jugo Romano, a mesma indignação e dor da ocupação castelhana a que sua pátria se sujeitava à época. Este é mais um texto magistralmente adaptado para prosa por João de Barros, com ilustação de André Letria.

 

 



publicado por bookworms às 11:02 | link do post | comentar

Sexta-feira, 15.05.09

A Esfera dos Livros convidou o pedagogo terapeuta, Javier Urra, autor do livro O Pequeno Ditador, obra que já vendeu mais de 18 mil exemplares, para vir a Lisboa nos dias 27 e 28 de Maio, apresentar o novo livro intitulado O Que Ocultam os Nossos Filhos, O que Escondem os Pais.


Com prefácio do professor Daniel Sampaio, este livro apresenta-nos uma radiografia completa e actual sobre os nossos adolescentes, com mais de 1000 entrevistas feitas a pais e filhos, Javier Urra fornece estratégias para melhor comunicar e ouvir os seus filhos.

 

JAVIER URRA, psicólogo clínico, pedagogo terapeuta, trabalhou durante três anos com jovens conflituosos no Centro Nacional de Reeducação de Cuenca. Desde então desenvolve o seu trabalho como psicólogo forense do Tribunal Superior de Justiça e do Tribunal de Menores de Madrid. É ainda professor de Psicologia na Universidade Complutense de Madrid e vice-presidente da Associação Ibero-Americana de Psicologia Jurídica e assessor e patrono da UNICEF.



publicado por bookworms às 12:47 | link do post | comentar

mais sobre mim
Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

Lançamento de Por Todos o...

Lançamento A Maldição do ...

Apresentação do livro "As...

Novidades Europa-América

Lançamento de livro - Liv...

Lançamento do Livro - Por...

Apresentação do livro "As...

O Caramuru

Lançamento do livro Viria...

Apresentação do livro O Q...

arquivos

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

tags

actualizações

amazon

autenticação

autógrafos

avisos

blog

bookworms

codebits

debates

desenvolvimento

design

editorial

entrevista

eventos

feira do livro

google book search

importante

imprensa

inicio

lançamentos

livrarias

livros

mário cláudio

natal

oops

podcast

poesia

premios

prémios

primavera

rss

sapo

twitter

wook

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds